Música para gays existe?


Village People, Gloria Gaynor, Pet Shop Boys, MGMT, Madonna e, agora mais recentemente na esfera pop, Lady Gaga. Os grupos tendem a criar afinidades com determinados artistas e bandas mas, obviamente, não existe música para gays. Rotular e encaixotar pessoas sob o critério da gostos musicais soa um tanto preconceituoso. Na brincadeira acabamos fazendo mas, definitivamente, não tem música para gays.

Música para gays não existe
Ser gay não quer dizer gostar só de Lady Gaga, Pet Shop Boys e Madonna

Vou com meu namorado hoje para o Natura Nós, festival musical que trará Jamie Cullum, Jack Johnson, Roberta Sá, G. Love, entre outros. O ponto alto será Jamie Cullum. Na realidade, vamos para assistí-lo. O artista faz música pop, com um bom tempero das influências do jazz. Jamie Cullum está mais para Frank Sinatra e Tom Jobim do que Lady Gaga.

Com o tempo, com a idade, tendemos a nos desapegar dos rótulos e clichês. Enquanto adolescente ou com vinte e poucos anos nos prendemos aos esteriótipos até mesmo para nos identificar com os grupos. Mas, depois de um tempo, a gente percebe que não se sustenta esse tipo de coisa, não precisa. Descobrimos que somos mais do que nossos gostos.

O bom é quando é de dentro pra fora. Em outras palavras, o que afinal nos valida como indivíduos íntegros? Não são os estilos musicais, não são as gírias e modismos, não é a frequência em determinados lugares. O que nos valida como seres humanos é o caráter. Mas, essa coisa de caráter, a gente só aprende com o tempo. Enquanto isso, viva Lady Gaga, Madonna e Village People! A gente quer brigar contra os rótulos, mas ao mesmo tempo colaboramos para a existência deles.

1 comentário Adicione o seu

  1. Daniel disse:

    Como eu comentei lá no Face, gosto de algumas divas como Madonna,Britney e Rihanna,mas adoro MPB e ROCK. Aliás, quando adolescente eu era bem mais “roqueiro”,mas hj não curto esse rótulo, pois nunca fui um “roqueiro heavy metal”! É claro q existem bandas e estilos mais “simpatizantes” como a MPB ou Pop, mas o legal é vc ouvir de tudo e descobrir o q mais tem a ver contigo. Somos todos diversos e isso nos faz melhores. O importante é ter liberdade para ouvir o q quiser e respeitar o gosto pessoal alheio. Chega de briguinha por causa dessa ou daquela diva, tenho preguiça disso !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s