Um cúmulo da homofobia

Não acho muito sensato contestar ou criticar negativamente outros blogs porque assim, indiretamente, acabo promovendo o trabalho de outros blogueiros que na realidade deveriam pipocar do mapa. Um clique que se dá, mesmo que para deixar um protesto, é a chance de tornar ainda mais popular e visível o que não queremos (heterossexuais defensores do “macho” passam por aqui).

Mas dessa vez vou abrir uma exceção e fazer uma crítica a um blogueiro/blog que ainda trata a homossexualidade como homossexualismo. A mim, o problema não é o “ismo”, mas o contexto na qual a palavra é empregada. Já fui criticado uma vez por um leitor por equivocadamente ter usado a palavra “homossexualismo” em um texto bastante antigo. O leitor dizia que o “ismo” que caracterizava a doença tinha caído. Concordo em partes já que o sufixo “ismo” é utilizado para classificar escolas literárias (Romantismo, Classicismo, etc.), religiosidades (Cristianismo, Catolicismo, Budismo, etc.), entre outros. Algum linguista para esclarecer?

O problema, antes de mais nada, é o contexto. É assim que penso.

Daí que o contexto de hoje é do blog de um tal “Tio Astolfo”. Não colocarei o link aqui para não ter um clique direto do MVG. De maneira nenhuma quero levar audiência do meu blog. Mas deixo um print com a matéria na íntegra para que a gente possa avaliar a tamanha aberração.

Não comentarei demais a respeito porque me soa tão ufanista e subdesenvolvido que não tem como ser diferente. É o grito do “macho” sufocado numa nova realidade social. A mim é risível.

O que critico fortemente são os dados dessa tal pesquisa. What a hell é esse tal de “publicitário Carlos Cardoso”? Desde quando uma pessoa é fonte de pesquisa de confiança?! Me lembra os trabalhos mal feitos e reprovados da faculdade.

Quem me informou sobre tal aberração foi o leitor e amigo “P”. E como respondi a ele, “enquanto alguns propagam o ódio, outros visam propagar o bem… é assim há tanto tempo… e vamos seguindo!”.

Para visualizar melhor, basta clicar na imagem. Aguardo comentário de todos:

machismo-ao-extremo

12 comentários Adicione o seu

  1. Faço é rir!

    EUHEUEHEUHEUEHEUHEUHE!

    Há um tempinho atrás eu estaria borbulhando de tanto ódio, mas chega uma hora que a gente vê que esse tipo de opinião é totalmente sem nexo ou que não mereça ser levada a sério ao ponto de contestá-la.

    Claro que faz TODO O SENTIDO acabar com a homofobia exterminando todos os homossexuais.
    Que os homossexuais são na verdade pedófilos enrustidos.
    Que pelo fato de sermos homossexuais nos faz não-cidadãos, ou seja, não participamos ativamente e positivamente da sociedade, mas estamos lá apenas para causar a discórdia…

    (Ironia Wins \o/!)

    E mais um monte de bulhufas que meus olhos já estão cansados de ler e meus ouvidos já ficaram surdos.

    Por favor né? Gente hipócrita só me faz rir.

  2. Lucas disse:

    Já tinha visto esse blog, mas tinha sido outra asneira, penetração corretiva para lésbicas, apenas ridículo.

  3. Realmente não vale a pena darmos ibope para algumas bizarrices. Porém, acho que esse caso vai além do rísivel e, na verdade é criminoso. Esse blog tem que ser denunciado por crime de discriminação, disseminação de ódio e incitação da violência. Vc já fez algum tipo de denúncia?

    1. minhavidagay disse:

      Ainda não, Bolachinha!

      Sinta-se a vontade para tal… concordo com você, embora imagino que já tenham feito.

      Um abraço,
      MVG

      1. MVG, eu andei lendo algumas coisas e realmente tem muita gente denunciado. Eu vou fazer o mesmo.

    2. Pasquale disse:

      Bolacha, MVG,

      O post das lésbicas já viralizou e provavelmente a PF já está de olho. Não sei se lembram do Silvio Koerich (um cara com cabeça de búfalo):
      http://www.dpf.gov.br/agencia/noticias/2012/marco/operacao-intolerancia-prende-responsaveis-pelo-blog-silvio-koerich201d

      O conteúdo do blog e forma de escrita do citado é bem similar aos de uns discípulos do tal do Silvio… muitos, hoje ainda estão na ativa sob o disfarce de blogs de finanças pessoais.

      1. Olá Pasquale, eu li algo em outro blog falando sobre isso mesmo. Deve ser a mesma quadrilha…

  4. Gabriel disse:

    E’ verdade que este blog e’ tão ridículo que não deveria ser levado a sério, mas isso não o faz ser menos criminoso. Infelizmente, não acho que denúncias adiantem muita coisa, pois este nome, Homens de Bem, já e’ conhecido por mim desde a época do orkut. Estes mesmos caras, chamados de HDB e SDR, tinham várias comunidades racistas, machistas e homofónicas lá, e eram absolutamente asquerosos e covardes. Toda hora as comus eram removidas, e mesmo assim eles criavam outra vez. Agora q acabou o meio, mudaram pra outro. Ainda acho que e’ nosso dever impedir isto, mas só fazer denúncias não adianta. Alguém sabe como denunciar para a polícia federal? Acho que isso só se resolve desta forma. O lugar desta gente louca e doente e’ na cadeia, e n na internet.

    PS: já vi comunidades onde homens assumidamente pedófilos defendiam o sexo surpresa (AKA estupro) na saída das escolas, e tbm diziam n ter preconceito contra as lésbicas, pois elas poderiam ser curadas e convencidas a serem heteros por meio da violência sexual. Doentio.

  5. Pasquale disse:

    Quanto a este blog ou qualquer outro que pregue ódio, a melhor coisa a fazer é ignorar. A intenção é só ganhar pageviews e buzz. E na maioria das vezes a culpa é nossa: nós mesmos que compartilhamos, comentamos, geramos visualizações, e sem querer até clicamos em algum link patrocinado gerando receita para eles.

    Quanto a coisa do “ismo” ou as outras “regras”… que babaquice. Mas se é alguém que escreve e trabalha COM, tudo bem. Digo isto pois presencie um gay começar uma briga com um hétero gay friendly legal pra caramba, só porque este último usou o “ismo” e falou “o travesti” (segundo o cara gay, é “a transexual”). Poxa, os homo, os bi, os tri, os trans tem tantos outros problemas mais importantes que chega a ser cômico perder tempo com isto. Como seremos aceitos pelo povão se ficamos obrigando-os a aprenderem “gramática”?

  6. Pasquale disse:

    MVG,

    Faz um post ou edita este mesmo com o link visível para denúncia na Polícia Federal. Fácil, rápido e preserva o anonimato do denunciante.

    É só ir neste site, clicar na categoria em que a denuncia se enquadra e colar o link:
    http://denuncia.pf.gov.br/

    Compartilhe com os blogs que você troca figurinhas e vê se eles conseguem fazer um post também.

  7. Caio disse:

    Não sou nenhum entendido da linguística, mas posso esclarecer esse lance do sufixo “ismo”. Bem, ele é utilizado para expressar cinco classes de palavras: doenças, tendências, movimentos,etc…Mas para cada grupo de palavras, ele tem um significado diferente, e no caso do termo “homossexualismo” ele atua como doença. Por isso, não podemos confundir o uso do sufixo para todas as classes de palavras, comparando como você escreveu, com escolas literárias ou religiões.
    E como dito acima pelo Pasquale, não tem dessa de “devemos cuidar do mais importante e isso não é importante”, claro que não, devemos sim nos importar como as pessoas se comunicam e como nos tratam, afinal o respeito se conquista assim. Ou hoje é aceitável se referir a um negro como macaco? Não vejo ninguém dizer isso em público e os que dizem são penalizados. Da mesma forma não quero ser visto como doente, sendo que não sou.

    E quanto ao blog, só a tenho a dizer que muitos iguais a este ou piores estão contidos na rede, cheios de conteúdos lixosos e deprimentes, como mídia sem máscara, julio severo e tantas outras porcarias. Na minha visão só servem como meio para os revoltosos conservadores vomitarem suas desesperanças e sentirem que não estão sós no mundo. Não ligo mais a mínima, pois são insignificantes, mesmo eles achando que possuem muitos adeptos (é de rir hahahahahahaha).

    Ontem, inclusive caí num antro de “evanjegues” (escrito assim, pois os desse site são uns babacas) que mostravam imagens de homens nus e fazendo pegação na Folsom Street Fair em São Francisco (EUA), dizendo que é isso o que a militância gay vai implantar no Brasil se a PLC 122 for aprovada. Ou seja, pura apelação, afinal tal evento é tradicional na cidade e a rua é fechada durante seu acontecimento, só entra quem não se importa em ver o rola por lá. Mas na cabeça de minhoca daqueles, são todos os homossexuais que agem assim e por isso eles não podem formar família, pois são uns monstros e depravados. É sempre a mesma coisa, quando acabam os meios de tentar barrar uma ideia ou ato com argumentos plausíveis aí vem a baixaria; deve estar mesmo difícil angariar novos fiéis para manipular, a coisa tá ficando feia para eles kkkkkkkkkkkk.

  8. Luiz Gustavo disse:

    Sinceramente, estas pessoas preconceituosas são dignas de pena. E ainda acham que “vão pro céu” (os que acreditam nisso) apenas por serem heterossexuais. Certo dia, uma menina “deu em cima de mim”, e falou tantas coisas safadas, me chamou de gostoso, de tudo o que vocês podem imaginar, mas, ao dizer que sou homossexual, ela teve a ousadia de dizer que eu iria queimar no inferno. Eu, como não tenho tanto “sangue de barata”, tive que dar o troco. Essa não foi a primeira vez que eu vi pessoas que acham que vão pro céu pelo fato de serem heterossexuais, vi outros casos na internet.
    Essa menina provavelmente não leu a bíblia, pelo menos as partes sobre homossexualidade e sobre salvação, não. Se tivesse lido, saberia que o necessário para “se salvar” é se arrepender dos pecados, e não, ser heterossexual. Só lembrando que: homossexualidade não é pecado (pelo menos de acordo com meus pensamentos, ideologias e pesquisas, não). Se algum de vocês acreditar em Deus ou estiver interessado no assunto, procurem este site: http://www.igrejacontemporanea.com.br/site/multimidia/videos/tv-contemporanea/youtubegallery.html?videoid=k_LHsAsipKs&start=15
    O raciocínio dos pastores é bem lógico… é só uma questão de lógica, gente.

Deixe uma resposta