Lúdico


Passaram-se cinco dias da notícia que me tiraria o chão, tema que me motivou a escrever o post anterior. Com muita fé e recorrendo a amigos antigos e amigos novos, ontem tive um insight que me tirou de um estado aflitivo, amedrontado, tenso, ansioso e inquieto.

Não entrarei em muitos detalhes, mas deixarei o registro de um sonho que foi totalmente representativo nesse momento.

Raramente lembro deles, ponto positivo para o sono profundo que não é abalado nem em momentos de intensas crises, como passei nesses cinco dias. Para não escrever no MVG, saibam, minha cabeça esteve muito perturbada!

Mas quando lembro dos sonhos, a grande maioria das vezes é com “pessoas reais e cenários reais”, eu como primeira pessoa lidando sempre com outras desconhecidas.

Só que dessa vez, a primeira pessoa estava em um ambiente totalmente lúdico: era um deserto, digno de Tantooine, planeta que residiu Luke Skywalker. A temperatura era muito prazerosa embora o sol estivesse em alta e, o céu, com um azul bonito dos dias conhecidos de inverno.

Estava caminhando num tipo de estrada e, ao meu lado direito, se encontrava um iglú grande, muito parecido com a moradia dos tios do Luke. Tal residência se estabelecia num único degrau acima, uma plataforma com uns 8o centímetros de altura, feito pedra lapidada das pirâmides do Egito. Lá dentro se encontravam duas tartarugas, uma a frente da outra, a maior atrás e a menor na frente. Ao lado direito, um jovem leão marinho.

As tartarugas tinham proporções fora do comum, semelhantes a aquelas conhecidas de Galápagos. Mas não eram reais e sim feitas de plástico, adornos, como artesanato, mas totalmente vivas. O leão marinho, deitadinho me olhando com seus olhos negros e profundos, cara de bonzinho, era real.

A tartaruga menor, curiosamente, tinha uma cavidade em sua cabeça onde residia um beija-flor. Tal passarinho se aconchegava bem em seu ninho.

Subitamente eu, em primeira pessoa, peguei algo que estava ao lado esquerdo das tartarugas, ao centro de um círculo branco estampado no chão. Não consigo me lembrar exatamente o que foi que retirei do iglú, mas a sensação que fica é de uma chave de ouro.

Peguei o objeto, me afastei e voltei para a estrada enquanto contemplava o cenário daqueles lindos e afetuosos bichos. Em seguida, a tartaruga menor pareceu querer me acompanhar e veio a minha direção. Só que, toda distraída ou empolgada, esqueceu-se do degrau a sua frente e pôs-se a rolar. No ato, o beija-flor de dentro de sua cabeça saiu em disparada.

Acompanhei seu rápido trajeto ao céu e ao horizonte, quando noto a minha frente eu mesmo, um pouco mais velho. Estava de camiseta e calça jeans, mesmo corte de cabelo, mais forte e me achei bonito e feliz ao me ver no futuro.

Aquele meu “eu” que olhava pra mim, alargou um sorriso e sinalizou como se dissesse: “vamos continuar”.

2 comentários Adicione o seu

  1. E com a idéia do lúdico do sonho misturado com a realidade do contexto vem a cabeça o diálogo da saga Harry Potter (como sabe que curto):

    “Isso é real? Ou está tudo acontecendo na minha cabeça?”
    “- É claro que isso está acontecendo dentro de sua cabeça, Harry, mas por que isso deve significar que não seja real?”

    E entendo realmente desta forma, por mais que tenha sido um sonho diferente do comum, lúdico para um momento tenso e na minha opinião, importante porque lhe passou uma mensagem muito bacana, e que não é porque esteja acontecendo no seu sonho (na sua cabeça) que não seja real.. achei principalmente o máximo, entender de imediato a mensagem que a princípio eu não havia entendido que é “Vamos continuar”.
    Parabéns Flávio pelas suas atitudes, pela sua vontade de seguir tendo ou não a base emocional estruturada por pessoas sejam no lado pessoal ou profissional, você sabe que é capaz e como insisto em dizer e hoje senti como é bom ouvir isso: Lembre-se sempre, na sua vida 10% dos acontecimentos podem ser involuntários, os outros 90% é você que determina com a sua Atitude!

    Sucesso sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s