Quarentena: reflexões sobre o coronavírus e nosso momento de mundo

Há duas semanas iniciei minha quarentena para ajudar a desacelerar a disseminação do coronavírus em São Paulo e, nesse período, passou pelos meus pensamentos voltar a escrever sobre nosso momento de mundo no Blog Minha Vida Gay. Minhas motivações e as práticas antes e durante a quarentena tem apontado para outros “lugares”, formatos, temas e…

Restrospectiva 2019

Minha vida (gay) em 2019 – Retrospectiva A retrospectiva da minha vida (gay) em 2019 começa com a certeza, com um pouco do chão da realidade, de que as mudanças nas sociedades, tendenciando fortemente para a direita, não é algo inédito e – possivelmente – não será a última vez. O ser humano (e isso…

Meu irmão

Quantos parentes ou amigos se distanciaram por causa de política em 2019? Como se cisões realmente conferissem prazer. Algo quase que sádico ou masoquista, algo cheio de orgulho e a certeza de alguma “verdade”. Ainda gays e na maioria dos casos de família dos mesmos, é como se fosse uma conduta nobre virarmos as caras…

Namoro um homem que é casado

Novas estruturas de relacionamento Esse tema poderia cair como luva para nós, gays, já que é mais comum do que se imagina a formação de relacionamentos afetivos entre dois homens, sendo um deles casado com uma mulher. A ala mais conservadora poderia nomear formatos assim como “promiscuidade”. Aqui, no Minha Vida Gay, trato como “formas…

Glenn Greenwald e Augusto Nunes

A treta entre Glenn Greenwald e Augusto Nunes A mim é uma ironia pois ambos, Glenn Greenwald e Augusto Nunes eram duas representações midiáticas que tinham respeito. Por um lado, Glenn Greenwald havia construído minha admiração a partir de suas entrevistas filmadas e realizadas ao representantes em época de eleições. O Intercept em si, no…

Gianecchini assume relações com homens

Sem gaveta Ele preferiu se referir a gavetas. Eu digo caixinhas. De todo modo, Reynaldo Gianecchini confessou há algumas horas em mídias, como a Isto É, que já teve relações homossexuais, mas diz não erguer bandeiras da homossexualidade. Não se diz bissexual, nem gay, nem hétero… e, vamos combinar, que no exato contexto social, 2019,…

Setembro Amarelo

Antes do Setembro Amarelo Antes de entrar em reflexões sobre o Setembro Amarelo, sigo apenas com um adendo ao post “Gay, brasileiro e descendente de japoneses”: costumo frequentar o Pão de Açúcar, mercado bastante conhecido em São Paulo. Faz alguns anos que o supermercado faz uma promoção de coleção de selos para troca de produtos…

Gay, brasileiro e descendente de japoneses

Daqui, desse ponto de vista Gay, brasileiro e descendente de japoneses. Talvez, muito menos pela influência de ser gay, mas por ser brasileiro de descendência de japoneses, minha mente tem pairado em pensamentos sobre a nossa sociedade. Pulei das trivialidades e questões relacionadas ao público gay para algo que, pelo menos no meu imaginário, é…

Aprendizado aos 42 anos

Gay japonês – tempos de resgate daquilo que nunca fui atrás Aprendizado aos 42 anos e quem fala é um gay japonês: ando com certa “compulsividade” por trazer conteúdos e reflexões sobre a cultura japonesa e, me antecipando (acho essa próxima autoafirmação importante para quem lê), a ideia não é ficar enchendo de vanglórias uma…

Cordialidade

O Homem Cordial A maioria das pessoas confude a palavra “cordialidade” com “gentileza” ou “simpatia” e, de fato, a ideia de uma é só fragmento das outras. Já dizia Sérgio Buarque de Holanda, conceito criado por ele inclusive, de que o brasileiro é um homem cordial. De fato é: passional, movido pelas emoções e, consequentemente,…

Pai

Relato da relação de pais e filho gay Cheguei aos 42 anos e com uma conquista consciente e, digo conquista, porque não é algo ordinário: ter me emancipado da relação “pais e filho”, de quando a relação é infantilizada mesmo depois do filho adulto. Emancipado – nesse sentido de que apesar da família ser nosso…

Identidade de gênero

Festinha no apê Vez ou outra me permito extrapolar as dinâmicas regulares de final de semana que é de acordar cedo sábado e domingo e aproveitar o pouco tempo livre que tenha com meu namorado em meio a diversas atividades, sempre em movimento. Estou ficando mais velho e a vontade de ficar na horizontal, deitado…