Vida gay – Anjos e demônios que habitam a gente

Nunca fui muito fã de seriados mas meu namorado “me pegou de jeito” com esse hábito e retomei contato com esse entretenimento recentemente. Lembro-me que apenas dois me chamaram a atenção na minha adolescência e pós-adolescência: Anos Incríveis e Dawson’s Creek. Mas foi nessas últimas semanas que descobri o Lost. Já tinha referência da época…