Sapiens

Homossexualidade e Biologia Desde o final do ano passado resolvi me afastar (drasticamente) do meu Facebook. Como alguém afeito as diferenças/diversidade, cheguei a “preguiça extrema” ao me deparar, todos os dias, com o clima de polarização política que tinge a minha timeline de pequenas guerrilhas. Meu pequeno grupo diverso, que abarca direitas simpáticas aos discursos…

Medo da entrega

Enquanto corria na academia, depois de um dia filha da p* de estressante, me veio a ideia de escrever algo sobre as pessoas e a tolerância que temos às mudanças. Mas revisitei em pensamento os últimos posts e vi que abordei bastante disso. Seria mais do mesmo, escrito de uma nova forma. Daí que, agora…

Faltou um tempero

A minha vida gay vai bem e estamos fechando o ano de 2015. Faltam menos de três meses para deixar passar 365 dias que, numa média geral, foi bastante morna ou frustrante para a maioria dos brasileiros. E quando digo assim, não me vejo envolto de pessimismo, mas bastante atento aos movimentos reais, políticos e…

Sentimento sincero

“As vezes, namorar é tão melhor sem ter que formalizar: na-mo-ra-dos. Caixinhas, as vezes, só colocam a relação num lugar de cobranças, regrinhas e convenções. Think about it and hakuna matata”. Lancei esse textinho na timeline do Face e se não foram meninas e mulheres que curtiram, foram gays. Gerou até uma micro-polêmica, quando uma…

Pai gay, irmão gay e eu também

Sandro, leitor que tem se tornado bastante participativo por aqui, enviou seu relato um tanto peculiar, embora imagino que haja muitos casos parecidos espalhados pelo Brasil e pelo mundo, fortalecendo a ideia da diversidade sexual e de como ser gay atinge esferas muito diferentes da normatividade. Assunto ótimo para mexer no calo de certos moralistas…

Convenções familiares

Minha cunhada veio do Rio de Janeiro em visita a sua família e trouxe a tira colo a minha sobrinha linda, mestiça, de três meses e de tio coruja. Em almoço com a minha mãe pudemos fazer “updates” da vida, ela levemente curiosa para saber sobre o término com o Japinha e o momento que…

Teoria quântica 2

A vivência no centro A música do Lulu Santos diz assim e tocou no carro logo depois que segui sozinho para minha casa, como um prenúncio a esse post: “Quis evitar teus olhos mas não pude reagir. Fico à vontade então. Acho que é bobagem a mania de fingir, negando a intenção. Quando um certo…