Parece loucura, mas não é

Sentimentos conflituosos também se estabelecem em relacionamentos entre gays. Inveja, trauma do passado, frieza e orgulho. Como lidar? É possível construir boas relações afetivas em meio a emoções dúbias? Estão aí mais reflexões e referências no Minha Vida Gay.

Ensaio sobre o ciúme

Das nuances nos relacionamentos gays Dizem que o homem – no geral – lida de maneira diferente com o sentimento do ciúme em relação a mulher. Dizem que o homem tende a reprimir tal sentimento, exteriorizando de outras formas aleatórias, as vezes maquiadas, ou as vezes contendo e sugerindo uma indiferença ou um controle sobre…

O bem e o mal

O que você acredita faz a sua vida Qual a diferença entre o gay enrustido, o gay assumido e o homossexual que não dá crédito à ideia de ser gay? Todos, em algum nível, possuem desejos por outro do mesmo sexo e poderia dizer que o gay enrustido é aquele que prefere não assumir e,…

Eu só quero ser feliz

Felicidade ao gay. Há diferença? Dando um apoio para um amigo heterossexual, aquele mesmo o qual relatei recentemente em um post, sobre um término de namoro / casamento de 8 anos e de outros problemas que pintaram na sequência, tive um “brilhante” insight enquanto conversávamos: “a gente precisa entender que felicidade é um estado e…

Breve explicação sobre a mentoria e coaching ao público do MVG

Mentoria e Coaching de Vida para Homossexuais – Life Coach MVG Uma recorrência de contatos, nas últimas semanas, têm surgido com uma dúvida comum: “para que serve a mentoria e coaching que você oferece?”. Antes de mais nada, é importante reforçar que o serviço de mentoria e coaching é destinado ao público homossexual e pessoas…

Eu te amo

Obliteração do conceito? As expressões “eu te amo” e “amo você” tem um poder que, segundo espíritas, monges e outros indivíduos que carregam a espiritualidade como parte integrante de suas vidas, trazem benefícios para as relações, para o corpo e para a mente. Muitos psicólogos não diriam o contrário: a expressão é poderosa. Desarma, acolhe,…

Tribos de consumo

Como nos relacionamos hoje Não faz nem 200 anos que o indivíduo construía relacionamentos afetivos por meio de afinidades ou proximidade familiar. Normalmente, era a “lei do dote” ou o contato com alguém da vizinhança, tudo decorrente de muita proximidade e expectativas do tipo “fulano ou beltrana parecem homens ou mulheres de bem”. Lembram do…

Suka

Você que é gay, saberia dizer o tipo de relacionamento que procura? Se é que procura? Ciente de que um amigo heterossexual está terminando um relacionamento de oito anos e com essa minha natureza de ouvinte, “conselheiro” e Coaching que antecede há anos a função, ele chegou com um discurso: – Hoje vou em uma…

Sapiens

Homossexualidade e Biologia Desde o final do ano passado resolvi me afastar (drasticamente) do meu Facebook. Como alguém afeito as diferenças/diversidade, cheguei a “preguiça extrema” ao me deparar, todos os dias, com o clima de polarização política que tinge a minha timeline de pequenas guerrilhas. Meu pequeno grupo diverso, que abarca direitas simpáticas aos discursos…

A cor da sua luz

Vida gay, minha vida, sua vida. É da maneira que a gente acredita. Nunca livros de autoajuda, instituições familiares e religiosas, sites de “elevação mental, emocional e espiritual” e redes sociais com frases de esperança, ou até mesmo músicas com essa conotação de “dias melhores” fizeram tanto sentido. Quer dizer, nunca para quem nasceu a…

As aflições da vida gay

O gay condicionado ao “meio” e aos vícios do meio Um de meus ex-namorados me encaminhou essa semana um texto longo, bem longo, do Huffington Post gringo. Até tirei um sarro pois ele é uma das pessoas que conheço que é avessa aos “textões” (rs). O artigo aborda algumas recorrências dramáticas e condicionadas da vida…