Faroeste Brasileiro

Personagem 1 – O homem do povo Há aproximadamente um década atrás concluiu-se uma epopeia do “homem do povo”, digno das projeções de Glauber Rocha. Um cara humilde, semi-alfabetizado, operário e pobre construia sua carreira política enfrentando o preconceito e certa marginalização. Lembro da minha mãe comentar algumas vezes: “não dá pra votar no Lula….

Virada Cultural – Reflexo transparente de nossa crise social

Hoje vou transcrever um post que lancei na minha timeline. Volto a falar novamente de um senso político, mas acima de tudo, de um refletir sobre o nosso critério de sociedade, essa mesma que tem acolhido mais e mais, nós, gays: “Momento cabeção voltou porque convenhamos: na administração do prefeito anterior, duas vezes que fui…

Por onde anda a ideologia?

Ideologia foi um nome bastante carimbado na década de 80, época da minha adolescência, quando o Cazuza cantava tal conceito. Estamos em ano eleitoral, que deveria ser motivo de expectativa acima da Copa. Mas aqui, como bem sabemos, a coisa acontece ao contrário. O que me resta é esse recôndito cantinho dos despejos mentais, de…