Nó que aperta, nó que afrouxa

Já falei que o mundo é um moinho? Tem me faltado tempo para o MVG nestes últimos meses, mas ele anda sempre na minha lembrança. Vai chegando o final de ano e o sentimento de 365 dias realizados vão tomando conta; sempre dedico um ou mais posts sobre o assunto, com um apanhado geral sob…

Através dos olhos de um dono de empresa

Eu, gay, empresário e ser pensante. Quem em sã consciência está satisfeito com a política nacional? Basta tirar um pouco do orgulho de eleitor (daquele que votou a favor do partido vigente) ou do valor partidário que no momento em que os candidatos já foram eleitos perde a força (a não ser esse texto esteja…

Choque cultural

É inevitável retomar as atividades no Brasil, depois de oito dias em NYC, sem me dar conta das diferenças culturais do meu povo brasileiro e do “povo do mundo” que reside em Manhattan. A começar com diferenças claras e reconfortantes para nós, gays brasileiros, como essa ilustrada abaixo, a qual registrei no High Line Park,…

Tudo em menos de um ano

De setembro de 2014 a abril de 2015 Foi nesse período em que eu e o Japinha nos propusemos a viver um relacionamento à distância. Depois de dois meses de formalização do namoro, ele partia para os EUA para iniciar seus estudos. Aprendi que em dois meses iniciais intensos, presentes, com viagens, dele revelar para…

Novos lugares

Como gay, ou melhor, como um indivíduo em fase de experiência, costumava a colocar um namorado em um lugar bastante claro (hoje). Namorar ou me relacionar tinha muito de suprir a minha carência, atender minhas demandas (as vezes não verbalizadas, como se o preterido fosse dotado de telepatia) e cumprir as minhas exatas expectativas. Tudo…

Depois da tempestade

Minha cachorra-velhota ontem, com 11 anos, se foi e, ao contrário do Nego e da Bali, o primeiro com câncer e a segunda com crises de convulsões terríveis, a minha preta – a última -, me pôs a definir por ela o dia de sua partida, já que suas doenças e senilidade não foram suficientes…

Vou contar para meus pais

Na vida gay, algo que é específico e atribuído a quem é homossexual exclusivamente, é o revelar para as pessoas de nosso convívio, pais e amigos. De acordo com o tempo de cada um, de forma e momento, cedo ou tarde compartilharemos a realidade de sermos gay para alguém. Assumir ou não, não deixa de…

Quando é que vira amizade

Amizade entre ex-namorados é possível? Seja no meio heterossexual ou gay fica meio que convencionado que ex-namorados perdem contato. No meu ponto de vista, tal definição não deixa de ter uma forte influência cultural, fora os apesctos de apego e subtituições que normalmente viram um problema quando namorados terminam. Naquele mesmo almoço com a minha…

Ensaio sobre vocações

Ensaio sobre vocações ou devaneios sobre ser gay “Flávio, sinto em te dizer, mas você tem vocação para namorar (GARGALHADAS)” – falou a minha terapeuta na última sessão realizada na quarta. A partir daí, tal afirmação tem reverberado em meus dias como insights. Cá estou no MVG para poder organizar. Se há a vocação para…

Out of the box

Lealdade, cumplicidade, companheirismo, amizade e, porque não o amor, expressão que abarca tudo isso, independem das convenções. Me sinto livre ao pensar assim e, não somente pensar, mas sentir de fatos consumados que a maioria das escolhas íntimas de cada um não corrompe a integridade de ninguém. Acontece que ainda resiste um moralismo filosófico e…

Pai gay, irmão gay e eu também

Sandro, leitor que tem se tornado bastante participativo por aqui, enviou seu relato um tanto peculiar, embora imagino que haja muitos casos parecidos espalhados pelo Brasil e pelo mundo, fortalecendo a ideia da diversidade sexual e de como ser gay atinge esferas muito diferentes da normatividade. Assunto ótimo para mexer no calo de certos moralistas…

Convenções familiares

Minha cunhada veio do Rio de Janeiro em visita a sua família e trouxe a tira colo a minha sobrinha linda, mestiça, de três meses e de tio coruja. Em almoço com a minha mãe pudemos fazer “updates” da vida, ela levemente curiosa para saber sobre o término com o Japinha e o momento que…